cachoeira_800x600

Cachoeira – Principal Ponto Turístico

Tombos é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Localizado na Zona da Mata Mineira, a 5 km da divisa com o estado do Rio de Janeiro e a 28 km do município de Carangola,e 367 km da capital Belo Horizonte.

O município recebeu este nome em alusão às três quedas (tombos) d’água da cachoeira do rio Carangola que fica na cidade. Inicialmente conhecida como Tombos do Carangola, o nome foi encurtado com o tempo para Tombos.

História

O Coronel Maximiniano José Pereira de Souza, mais ou menos no início do século XIX, abastado proprietário, foi quem primeiro conheceu o local, nele se fixando definitivamente, com seus escravos, amigos e parentes. No início, a região passou a ser conhecida por Tombos, em alusão às três quedas d’águas nela existentes. Com o correr dos anos e o desenvolvimento natural das lavouras ali iniciadas formou-se pequeno núcleo populacional.
O coronel Maximiniano, que se havia tornado posseiro das terras desbravadas, fez doação, em 1849, de uma gleba para o patrimônio de Nossa Senhora da Conceição, cuja capela seria edificada em honra à Santa. O local passou assim a chamar-se Nossa Senhora da Conceição de Tombos e pouco tempo depois foi elevado à categoria de distrito pela Lei provincial número 605, de 21 de maio de 1852. Mais tarde, o topônimo foi alterado para Tombos de Carangola, passando a simplesmente Tombos quando da sua emancipação política, o queaconteceu com a Lei número 843, de 7 de setembro de 1923.
No dia 12 de novembro de 1878, pela Lei nº 2500,o território foi incorporado ao município de Carangola tornando-se Distrito,com o nome Tombos do Carangola, que assim permaneceu até a criação do município. Com a emancipação política, através da Lei nº 843, de 7 de setembro de 1923, Tombos tornou-se município, passando a denominar-se simplesmente “Tombos”.
Em Tombos localiza-se a Usina Hidrelétrica de Tombos, que atende ao Norte Fluminense.

Geografia

Sua população estimada em 2010 é de 9.542 habitantes,enquanto em 2000, era de 11.652, segundo o Censo. O município subdivide-se nos distritos de Tombos (sede), Catuné e Água Santa de Minas. Com 62 metros de altura, a Cachoeira de Tombos é a maior da Zona da Mata[carece de fontes], e dá o nome a esta cidade. Área da unidade territorial é de 283Km².

Principais distâncias:

Porciúncula – 5km
Carangola – 24km
Itaperuna – 40km
Muriaé – 60km
Rio de Janeiro – 356km
Belo Horizonte – 367km

Prefeitos

Manoel Martins Quintão – 1924/1930
Caetano Anacreto Dias Torres – 23 de março de 1931 – 10 de abril de 1931 (nomeado) e 20 de abril de 1931 – 2 de maio de 1931
Otávio Rodrigues Alves – 16 de fevereiro de 1931 – 4 de janeiro de 1932 (nomeado)
Dr. Dario de Campos Barros – 1931/1936 e 9 de agosto de 1936 – 16 de novembro de 1937
Francisco Ignácio Borba – 1937/1945
Alfredo Vargas Corrêa – 12 de março de 1947 – 18 de dezembro de 1947 (nomeado)
Sebastião Rocha – 1947/1950
Glycério Dias Soares – 1951/1954
Dr. Orlindo Soares Quintão – 1946/1947 (nomeado) e 1955/1958
Léviro de Oliveira Pieruccetti – 1959/1962
Sebastião Rodrigues de Souza – 1963/1966
Alexandre Henriques de Almeida – 1967/1970 e 1973/1976
Antônio Guimarães de Almeida – 1971/1972 e 1977/1982
Marco Aurélio M. de Barros Guimarães – 1983/1988 e 1993/1996
Oscar José Bastos (PFL) – 1989/1992
Ivan Carlos de Andrade (PT) – 1997/2000
Mateus Pereira Junior (PMDB) – 2001/2004
Ivan Carlos de Andrade (PT) – 2005/2008
Ivan Carlos de Andrade (PT) – 2009/2012

Atual prefeito: Calica
vice : Jorjão.

Educação

Escolas do município:
CEMEI Olívia Quintão (Educação Infantil)
Centro Educacional Rosely Gallo Ferreira (Educação Infantil e Ensino Fundamental)
Escola Estadual Antônia Martins de Barros (Ensino Fundamental)
Escola Estadual Ilka Campos Vargas (Ensino Fundamental e Médio)
Escola Estadual Serra dos Quintinos (Ensino Fundamental)
Escola Municipal Emílio Soares (Ensino Fundamental)
Escola Municipal Marieta Guariglia Bravo (Ensino Fundamental)
Escola Municipal Savina Lazaroni (Educação Infantil e Ensino Fundamental)